quarta-feira, agosto 29

GUILTY

Hello dolls


Ontem foi meu domingo...
Pra quem ainda me conhece pouco, meu DH* trabalha muito, e trabalha inclusive aos fins de semana...isso é que dá escolher viver na praia. Pra quem pensa:"Nossa, que tudo morar no litoral, pertinho do mar, podendo ir à praia qualquer dia do ano, curtir o sol e a areia a vontade." Lamento muito acabar com essa ilusão, morar na praia  não só garante a proximidade com o mar como te dá interiramente 'de grátis' a oportunidade de trabalhar quando o resto do planeta folga. Seja lá feriado, dia santo ou final de semana! E no verão é a época mais corrida pra quem mora em cidades de veraneio.
Sendo assim, ontem, meu domingo,  foi dia de  bater perna - poderia dizer nadar, tamanha chuva- pela cidade...
Lojas de 1,99 são minha única fraquesa.
Lá fomos os dois de loja em loja. Foi minha cruzada em busca do barbante perdido. Achei, agora é só paciencia pra poder fazer o tapete pra sala. To me aventurando no mundo vegetal...comprei umas mudinhas, assim que colocá-las nos vasos, ponho fotinhos pra vocês.

E como todo domingo que se preza, tem que ter comida. Lá pelas 3 da tarde eu ja tava colorida de fome. Tem um café na cidade, que amo...é muito bom, ainda bem que não é muito barato comer lá, por que o que tem de delicias é de deixar uma criatura normal louca, faça idéia de uma em vias de TPM e de RA...
Depois de umas 15 voltas no buffet, pensar muito nos prós e contras, peguei um pedaço até que modesto de sanduiche. O vilão eram algumas fatias de salame, bastante verduras então comi sem susto. Detalhe, levantei tarde, tomei meu café e depois só comi uma maça e queijo branco. o sanduiche ficou no lugar do almoço. Mas o capuccino, ai ai...esse não resisti. Quentinho, cremoso. Uma verdadeira delícia.

Pronto, no momento que vi aquela ode à gulodice vindo pra mesa, lembrei de vocês e sabia que tinha que vir aqui confessar rsrsr, meio sem jeito, mas me declaro culpada.
Pra compensar, o jantar foi levinho, magrinho. Assim pude domir em paz com a minha conciência.

Beijos lindas e amanhã tem mais!  Continuem firmes.


Mais conversa, não capuccino =D
                                                                                                                     *Dear Husband


10:19
Passando apenas pra atualizar o peso...se alegria pesasse tava perdida!
87.600
Simbora povo que já perdemos muito tempo se deixando de lado!

7 comentários:

Lully... tatú... disse...

culpada mas felizzzzzzzz
e nem foi um super pecado vai!!!

se não rolar pequenos prazeres a RA e a vida ficam sem graça!!!

o trem tá no não degringolar todo dia!!!

bjoka dear guilty!!!

Bethynha disse...

Oieee
morar na praia tem seus dilemas ne. É ruim ter que trabalhar enquanto a maioria das pessoas estão se divertindo, mas tbm morar na praia deve ser mtooo legal..
Acho que eu iria gostar..
bjãoo e boa quarta

Cintia Soares disse...

Amiga isso foi um prazer e não um pecado de vez em quando POOOOODE! RSRSR

*Luka* disse...

Nossa tirando esse lance de trabalhar enquanto todos se divertem... acho que deve ser mara morar perto da praia, ia amar fazer caminhada na areia com o pé dentro d`água!!! As vezes que tive oportunidade de ir à praia fazia isso todos os dias no final da tarde "é relaxante". Eu particularmente amo cappuccino e mais do que ninguém posso afirmar que de vez em quando a gente pode se entregar a uma delicia como essa... DE VEZ EM QUANDO HEIM... As vezes que levei a sério minha dieta, de vez em quando cometia uns deslizes assim e nem por isso engordava, depois eu usava a lei da compensação e o ponteiro da balança só abaixava. Não pode é virar rotina. Beijo

Ana Carla disse...

Que magrelinha vc tá ficando! Parabéns!

Brupa disse...

Querida, antes de mais nada queria agradecer as palavras doces de ânimo no meu post tristinho. Saber que há pessoas na mesma situação que eu e que mesmo assim não desanimou é reconfortante. =)


Sobre essas escorregadas estou vendo que é mais normal do que eu pensava, né? Mas o importante é ter foco e não desistir! ;)

Beijosss!

REINVENTANDO disse...

Aos poucos nós vamos mudando gradativamente os hábitos de vida..Bjs.Sandra